PT | EN

Empresas Rendimento:

Como é a Irlanda para morar e trabalhar?

17 de janeiro de 2023

O mercado irlandês é aquecido e não faltam empregos, além de oferecer uma das maiores médias salariais da Europa e excelente qualidade de vida. Por isso mesmo, é um dos destinos mais procurados por brasileiros.

Uma boa dica para ir para lá é usar uma agência de emprego e recrutamento, que agrega em credibilidade e é uma forma de ser bem apresentado para o mercado de trabalho.

Outra maneira é criar um bom currículo, ajustar seu perfil no LinkedIn — tudo em inglês, claro — e ali mesmo se candidatar às vagas.

Lembre-se de levar seu diploma e certificados profissionais, todos com tradução juramentada em inglês.

Quer saber mais? Então, continue sua leitura.

Documentos básicos

Documentação necessária para entrar na Irlanda:

  • Passaporte com pelo menos mais um ano de validade desde a data de entrada;
  • Seguro-viagem válido para a Irlanda;
  • Carta-convite de um residente no país ou de uma instituição, ou reserva em hotel ou residência;
  • Comprovante da situação financeira ou meios de subsistência, com mínimo de € 3 mil;
  • Passagem de volta (que pode ser adiada);
  • E, por fim, Confirmação de matrícula em curso ou faculdade na Irlanda (se for estudante).

Ao chegar ao país, você recebe um visto de turista. A partir daí, você tem até três meses para se registrar no Centro de Imigrantes, conseguir autorização para trabalhar e ter seu visto de trabalho.

Morar e trabalhar na Irlanda | Banco Rendimento

Visto para morar e trabalhar na Irlanda

O processo do visto é feito na Irlanda, e não no Brasil. 

Se você possui dupla cidadania e tem passaporte da União Europeia, já deu um enorme passo, pois não necessita de autorização para trabalhar na Irlanda.

Mas se esse não é seu caso, vai precisar de um visto para morar e trabalhar lá.

Existem diversos tipos de autorização de trabalho:

  • Stamp 1 (visto de trabalho): para quem já tem proposta de trabalho de uma empresa irlandesa;
  • Stamp 2 (visto de estudante): mais comum, concede permissão de estudo e trabalho aos cidadãos não europeus;
  • Stamp 4 (visto de trabalho e residência): via casamento com um cidadão europeu.

A melhor maneira de não errar e conseguir o visto correto é seguindo as informações do site oficial do país, clicando aqui.

Experiência profissional

Tenha documentos e comprovantes que possam comprovar sua experiência, como certificados e cartas de recomendação.

Leis trabalhistas

A Workplace Relations Commission é o órgão responsável e traz informações importantes tanto para trabalhadores quanto para empresas:

  • Contratar somente pessoas com permissão de trabalho na Irlanda;
  • Fornecer documento escrito com termos e condições do emprego;
  • Dar recibos de pagamento;
  • Pagar salário igual ou superior ao salário mínimo legal;
  • Cumprir a semana máxima de trabalho;
  • Fornecer pausas e períodos de descanso durante o expediente;
  • Conceder férias anuais;
  • Antes de rescindir o contrato de trabalho, oferecer uma quantidade mínima de avisos;
  • Manter todos os registros sobre o funcionário e seus direitos;
  • A semana de trabalho média não pode exceder o máximo de 48 horas.
Morar e trabalhar na Irlanda | Banco Rendimento

Salário mínimo na Irlanda

Desde 1º de janeiro de 2022, o salário mínimo nacional na Irlanda é de € 10,50/hora de trabalho para profissionais com mais de 20 anos de idade.

Por lá, o salário é calculado por hora de trabalho e fica, em média, em € 1.680 por mês. Já para as profissões bem qualificadas, pode passar de € 40 mil por ano.

As melhores cidades para trabalhar:

  • Dublin
  • Cork
  • Galway
  • Limerick

A capital Dublin, multicultural, divertida e com muitos brasileiros, possui a melhor média salarial anual. Porém o custo de vida também é o mais alto do país. É a casa de empresas como Google, LinkedIn, Facebook, HubSpot, TikTok, Yahoo e Airbnb.

Encontrar apartamento para alugar pode ser uma tarefa difícil. Por isso, pesquise as opções de moradia antes de aceitar um emprego no país.

Leia também: Vai morar nos Estados Unidos? 5 dicas para se planejar

Onde estão as vagas de emprego na Irlanda

Essas são as áreas que apresentam mais vagas:

  • Tecnologia;
  • Construção;
  • Contabilidade e finanças;
  • Design criativo;
  • Idiomas;
  • Negócios;
  • Desenvolvimento web;
  • Enfermagem;
  • Atendimento ao cliente;
  • Educação.

O setor com mais oportunidades é o de serviços. As áreas de limpeza e de atendimento em lojas e restaurantes são as mais comuns e com menos exigências.

E também existem as Critical Skills: uma relação de profissionais insuficientes no país, com incentivo para a entrada de estrangeiros para preenchimento das vagas.

Equilíbrio entre vida pessoal e profissional

As empresas irlandesas incentivam o equilíbrio entre vida pessoal e profissional. Os funcionários têm direito a 15 minutos de intervalo a cada quatro horas e meia de trabalho. Se trabalharem mais de seis horas seguidas, têm direito a 40 minutos de pausa.

O país oferece excelente qualidade de vida e permite contato com culturas do mundo todo. Os irlandeses não são famosos por serem viciados em trabalho. Quando o horário de expediente chega ao fim, a maioria das pessoas larga o que está fazendo e vai para casa.

Leia também: Tudo sobre DSDP – Declaração de Saída Definitiva do País

Pronto para começar um trabalho na Irlanda? Conte conosco!

Agora que você já sabe como trabalhar na Irlanda, planeje-se para realizar seus objetivos.

E conte com o Banco Rendimento para a abertura de sua Conta Corrente para Residentes no Exterior, clicando aqui.