O que fazer para trabalhar remotamente no exterior e como receber seus pagamentos

17/05/2022
O que fazer para trabalhar remotamente no exterior e como receber seus pagamentos

Trabalhar para uma empresa que fica fora do país sempre foi um sonho para você? Com o trabalho remoto, ficou muito mais fácil realizá-lo! Se quiser ter dicas de como encontrar vagas no exterior, ver vantagens e saber como receber pagamentos, continue lendo este artigo.

O home office e o trabalho remoto, hoje em dia, são a rotina de muitos brasileiros. Isso porque, com a pandemia, esses modelos de trabalho foram (e ainda estão sendo utilizados) por muitas empresas ao redor do mundo. Juntando isso ao avanço tecnológico, a esfera corporativa sofreu muitas transformações e diversas fronteiras para o mercado de trabalho foram abertas. Isso tudo possibilita o trabalho em empresas fora do Brasil sem precisar sair do país.

Trabalho remoto x home office

Primeiramente, é importante pontuar as diferenças entre o home office e o trabalho remoto: o primeiro, basicamente, é realizado em casa. Já o remoto, é um termo mais abrangente, que não tem limitação de espaço. No trabalho remoto, é possível escolher onde você prefere realizar suas atividades. Além disso, diferentemente do home office, o funcionário está constantemente a distância, podendo fazer visitas à empresa, mas sem uma periodicidade definida.

Quais são as vantagens?

Você pode procurar por vagas de contratos fixos ou freelancers no exterior, dependendo da empresa que está contratando. Para trabalhar fora do país de forma remota, não é necessário passaporte e, muitas vezes, não precisa falar fluentemente a língua do local.

Há várias vantagens, já que a empresa pode contratar um funcionário de qualquer lugar do mundo, com poucas condições, como estrutura para home office, acesso à internet e um computador, por exemplo. Outros benefícios são os horários flexíveis, menos gastos com deslocamentos e maior autonomia para viajar a outras cidades. Além disso, pode ser uma oportunidade de transição para aqueles que já têm vontade de morar fora.

Para completar, com a desvalorização do real em relação ao dólar, os brasileiros tornaram-se uma opção de contratação mais atrativa e barata para empresas de fora. E, em contrapartida, para os brasileiros, o salário ficou mais alto.

Por onde começar?

Mesmo com tantos pontos positivos, existem alguns requisitos para que você comece a trabalhar de forma remota no exterior, que serão explicados a seguir:

Abrir uma conta PJ (Pessoa Jurídica)

Primeiramente, é necessário ter um CNPJ. É possível, de fato, prestar serviços ao exterior como pessoa física. Porém terá que arcar com vários impostos, que podem não compensar. Quanto ao tipo de conta PJ a ser aberta, tudo dependerá do contrato assinado com a empresa e o valor pago por seus serviços.

Gerar uma invoice

Também é preciso gerar uma invoice. E o que é isso?  É um documento semelhante a uma nota fiscal, que deve ser emitido em transações comerciais internacionais.

Por ser uma nota fiscal, ela é fornecida por quem presta o serviço ou vende o produto. A invoice contém a descrição do serviço/produto, a quantidade, o preço e a forma de pagamento. Para gerá-la, você pode utilizar um modelo pronto disponível na internet ou um gerador de invoice.

Operação de câmbio

Como a empresa fica em outro país e você vai receber pagamentos em uma moeda estrangeira, é preciso fazer uma operação de câmbio para que a moeda do outro país seja convertida para o real.

Faça transações com a segurança e facilidade que o Banco Rendimento oferece clicando aqui.

Emitir uma nota fiscal no Brasil

Além da invoice, é indispensável emitir uma nota fiscal no Brasil, para que a tributação seja feita de forma correta e legal. Geralmente, todo o processo é feito online, mas varia de acordo com cada região do país. Porém destaca-se que, dependendo da quantia, pode ser que diferentes alíquotas de impostos incidam sobre o valor recebido. Sendo assim, uma dica é conversar com um contador de confiança para ter certeza de que você está seguindo todos os passos corretamente e dentro da legalidade.

Realizar o pagamento de impostos

Fique atento aos impostos: além do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF), que normalmente é cobrado na hora das transações, você também precisa levar em consideração o Imposto de Renda.

Onde encontrar vagas com esse perfil?

Hoje em dia, são diversos os sites disponíveis para você encontrar vagas de trabalho remoto no exterior, tanto com contratos mais longos quanto de freelancers. Veja aqui algumas opções:

  • We Work Remotely;
  • Jobspresso;
  • Dribbble Jobs;
  • Stack Overflow;
  • Remote Jobs;
  • Flexjobs.

Recebendo pagamentos do exterior

Mas e o pagamento? Como funciona? Bem, depois de ter aberto uma conta PJ, você vai precisar gerar uma invoice. Ela provará que você realizou o serviço. Fique sempre em contato com a empresa contratante para saber quais informações precisam fazer parte da invoice, já que isso muda de acordo com cada lugar.

Além disso, nessa mesma invoice, você deve informar seus dados bancários para que a transação seja realizada. É preciso também descobrir o número IBAN ou o número SWIFT da sua conta, que podem ser informados pelo gerente.

Após preencher a invoice, você precisará enviá-la para a empresa contratante e, posteriormente, ao Banco Rendimento ou outra instituição para fechar a operação de câmbio e aguardar até que o valor caia na sua conta no Brasil. Essa transação demora, geralmente, de um a dois dias.

Viu como seu sonho pode estar perto de ser realizado? Para não ter dor de cabeça, receba seus pagamentos do exterior 100% online com o Banco Rendimento. É rápido, fácil e seguro! Clique aqui já.